Postagens

Fundamentos da Psicologia Analítica: Terceira Conferência

Imagem
¥ Como abordar a face obscura da mente?



"[...] apenas através de nossa fraqueza e incapacidade estamos ligados ao inconsciente, ao nosso mundo inferior dos instintos e aos nossos companheiros no mundo. As virtudes apenas auxiliam o homem a tornar-se independente; aí, então, já não se tem necessidade de ninguém, aí somos reis. Mas em nossa inferioridade estamos unidos à humanidade e ao mundo dos instintos. (pág.91)"

Métodos usados na investigação dos processos psicológicos inconscientes:

    - Associação de palavras (pag.43/44/70/71)
Lista cem palavras para uma pessoa solicitando que reaja com a primeira palavra que lhe vier a cabeça o mais depressa possível. Marca-se o tempo de cada resposta com cronômetro. Repete-se as palavras estimulo e a pessoa deve repetir as respostas anterior. Há importância onde falhar a memória (distúrbio na reação) pois atingiu conglomerado de sentimentos estranhos e dolorosos.  

Os Complexos são dotados de tensão e energia própria, e forma por si…

Profissão: a escolha no processo de vida

Imagem
Devemos nos tornar o que somos. Há variados modos de desenvolver o processo de avaliação profissional, a estratégia clínica é definida pelo orientador frente à demanda e perfil do orientando. Em tese, no eixo do processo de escolha profissional há três questões determinantes: a sabedoria inconsciente, a teleologia da escolha e a questão do destino.
         A escolha profissional é vivenciada por muitos como momento pontual de escolha por sacrificar outras escolhas de acordo com as necessidades que elencar prioritárias. A escolha implica em aceitar o sacrifício e deixar morrer, ao menos naquele momento, as demais possibilidades, ilusões e estados emocionais antigos. É um processo de deixar morrer o não escolhido por um ego iludido de que a escolha está apenas sob seu domínio. Toda morte é dolorosa para o ego, por seu caráter conservador, tornando o momento de escolha profissional um tempo de crise frente a mudança de padrão de vida.         A escolha adequeada decorre da…

História das Raças

Imagem
"Via de regra, quando o inconsciente coletivo se torna verdadeiramente constelado em grandes grupos sociais, a consequência será uma quebra pública, uma epidemia mental que poderá conduzira revoluções, guerra, ou coisa semelhante. Tais movimentos são tremendamente contagiosos, eu diria inexoravelmente contagiosos, pois quando a esfera humana é ativada, ninguém mais é a mesma pessoa. Você não está apenas no movimento, mas é o próprio movimento. [...] Somos humanos, e no mundo, onde quer que estejamos, é possível nos defendermos apenas através de restrição de ordem consciente, fazendo-nos tão vazios, tão sem alma quanto pudermos. Ai perdemos o nosso espírito, para tornarmo-nos apenas um pobre grão de consciência flutuando num mar de vida que nos é estranho. Mas se permanecermos nós mesmos, veremos que a atmosfera coletiva entra-nos na pele. [...] Os diferentes estratos da mente correspondem à história das raças. "  JUNG, CG. Fundamentos da Psicologia Analítica. (p…

Fundamentos da Psicologia Analítica: Segunda Conferência

Imagem
A estrutura da mente: consciente, inconsciente pessoal e inconsciente coletivo.


Certamente a estrutura básica da mente tem traços da mente arcaica. Os conteúdos da consciência derivam do ambiente, da memoria, dos processos de julgamento e de percepção, assim como podem ser veículos para o mundo inconsciente atingir a superficie da consciência. No inconsciente pessoal estão os componentes de inteireza de nossa personalidade. A introversão da mente, do consciente em direção as camadas mais profundas do inconsciente, é expressa pelo mito de Nekyia. O inconsciente coletivo tem caráter mítico e é elo de pertencimento a humanidade em geral. Não dizem respeito a heranças raciais pois são próprios a natureza coletiva do ser humano.
"A camada mais profunda que conseguimos atingir na mente do inconsciente é aquela em que o homem 'perde' a sua individualidade particular, mas onde sua mente se alarga mergulhando na mente da humanidade - não a consciência - mas o inconscien…

Sonhos e o Sonhar

Imagem
... me traga um sonho e vejamos como sua própria natureza reage a isso....
Mulher Azul do Mar sonhando com Conchas (Ana Luisa Kaminski)
No Egito Antigo havia a certeza de que elos sonhos poderíamos entrar em contato com os mortos e com os deuses, ou seja, tomamos conhecimento de nosso destino.  Há função para o sonho no desenvolvimento psicológico: mensagem única para sujeitos únicos providas do interior de cada sujeito.
Aristóteles (apud KAST, 2010) compreendíamos sonhos como expressão da vida anímica; fenômeno intrapsíquico que poderia indicar como as doenças tomam os corpos. Artemidoro de Daltis (apud KAST, 2010) é considerado precursor na interpretação de sonhos. Constitui interpretações interligando os símbolos dos sonhos com o ser do sonhador, ou seja, sua história de vida e atmosfera do sonho. Ambos afirmam que o sonho pertence atmosfera do próprio sonhador.
Na Era Moderna, Rene Descartes (apud KAST, 2010) nos leva a conclusão de que somos aqueles que sonhamos. No Romantismo o …

The Mask You Live In

Imagem
Assista o trailer:
https://m.youtube.com/watch?v=LS8bwOesLjA&t=16s

O documentário "The Mask You Live In" suscita problematizações sobre a forma como os estereótipos de gênero, heteronormatividade e masculinidades são nocivos também para representantes do sexo masculino. Incita a discussão sobre formas de criar uma nova geração de homens, e de seres humanos, de forma mais saudável para a sociedade como um todo.

Fundamentos da Psicologia Analítica: Primeira Conferência

Imagem
Conceitos fundamentais em psicologia:
- Estrutura e Conteúdos da vida inconsciente
Jung inicia sinalizando a impossibilidade de abarcar completamente tais estruturas e conteúdos posto que se faz necessário abordar problemas filosóficos, éticos e sociais, pesquisas históricas e mitológicas inerentes a consciência coletiva.; sendo estes os referências às raízes da discórdia no campo das teorias psicológicas.
"[...] as doenças são processos normais perturbados e nunca (...)  dotados de uma psicologia autônoma." (pág.02)
A psicologia trata dos produtos da psique inconsciente, os quais não são diretamente acessíveis, ao se relacionar com a consciência. A psique inconsciente se exprime através de elementos conscientes, e estes nos fornecem dados para ação. No entanto, os fatos, em verdade, podem ser bem diferentes da imagem formada por nossa consciência. A consciência apreende poucos dados simultâneos em dado momento, é resultante da percepção e orientativa na relação com o mundo…